{Real Wedding} Um casamento que previlegiou as memórias

Sara & Sérgio

Como foi o pedido de casamento?

O pedido de casamento foi muito racional: aconteceu no dia a seguir ao 29º aniversário do noivo, quando estávamos em Barcelona a passar uns dias. Já tínhamos planeado ir viver juntos e estávamos a remodelar a nossa futura casa. Parecia a altura ideal para dar o nó e decidimos fazê-lo no ano seguinte (2016). Ainda assim o noivo fez uma surpresa e ofereceu-me um anel de noivado. Eu andava doida à procura de um anel que a minha mãe me tinha oferecido, até que ele me perguntou se já tinha procurado debaixo do sofá. Quando o levantei lá estava o anel de noivado e um papel com o pedido.

1066

Começámos a ver os locais e a escolher a data. Pedimos alguns orçamentos mas no final acabámos por escolher o restaurante, o fotógrafo e a florista que já conhecíamos de outras celebrações familiares.

Qual o vosso tema?

O casamento tinha de nos refletir, pelo que escolhemos o tema “Pessoas e Memórias”. Esse tema guiou a escolha dos convites e dos marcadores de mesa, da animação, música, bem como todas as outras escolhas que fizemos a respeito do copo-d’água. Os marcadores tinham molduras com uma aplicação em esferovite com os vários anos e fotografias da noiva e do noivo correspondentes a esses anos. Tentámos os colocar os convidados nas mesas que correspondiam aos anos em que já nos conheciam, também para recordarem esses tempos e a conversa fluir entre os convidados de cada mesa. Tudo foi centrado nisso e o fio condutor permitiu a harmonia completa neste dia tão único.

Como foi a aventura do teu vestido?

Amei particularmente o meu vestido. Foi amor à primeira vista e os convidados também o adoraram. Precisei de ver apenas 3 lojas para o encontrar e aí percebi que não precisava de procurar mais. Combinava tudo o que eu gostava num vestido – a renda, o corte em A, as mangas e as costas abertas. Tudo isso e ainda uns brilhos discretos para um toque especial. O melhor é que assentava bem, que nem uma luva. Uma das coisas que mais adorei em relação ao vestido foi ter podido vesti-lo pela segunda vez… alguns meses depois, quando fizemos a sessão “trash the dress”. Foi uma oportunidade para desfrutar dele num contexto mais descontraído e divertido. Fomos para a baixa de Lisboa e o vestido captou muitas atenções.

Qual o teu momento favorito?

O meu momento favorito foi a primeira dança. Treinámos a coreografia na véspera e fizemos uma montagem com a música de maneira a que, a meio da coreografia, a música mudava para o tema dos piratas das Caraíbas, que é um favorito dos amigos do noivo… foi uma surpresa engraçada e que eles gostaram muito.

1072.JPG

Quais os momentos que mais te ficam na memória?

Hoje ainda recordo esse dia com muito carinho. Existiram vários momentos ternurentos e também divertidos, e acho que foi um dia memorável para todos os que estiveram presentes mas sobretudo para os noivos, claro. Se me pudesse casar outra vez? Talvez tivesse pensado mais nos detalhes. Não ensaiámos a entrada na igreja e acabou por ser um bocado confusa e apressada. Também teria escolhido outro serviço para os convites.

347

Que conselhos darias a noivas que estejam agora a organizar o casamento?

Por fim, escolham uma altura para se casarem em que não haja muita confusão na vossa vida. Planear um casamento exige muito tempo, atenção e dedicação que já tem de ser conjugada com o trabalho, e os deveres sociais e familiares. Façam listas de tudo o que têm para fazer (mesmo o mais ínfimo pormenor) e deleguem! Expliquem bem o que esperam aos vossos fornecedores para que entendam a vossa visão. O melhor é imprimir imagens e deixar com cada um para que consigam captar corretamente a vossa ideia. E aquela coisa do jantar de ensaio dos filmes americanos que nunca perceberam bem se é importante ou necessária…. acreditem que é. É um bom momento para combinarem os procedimentos, as ordens de entrada na igreja para os principais intervenientes. Acima de tudo aproveitem o vosso dia porque no final, o que interessa MESMO é que se divirtam e… sejam felizes.


Fornecedores:

Vestido de noiva, noivo e pais dos noivos: Princesa de Sonho | Damas de Honra: Coco Melody | Restaurante: Manjar das Laranjeiras | Fotografia: António Costa | Impressão e dobrarem dos convites: Paper & Company |Flores: Regador Mágico | Marcadores de mesas e lembranças senhora: Design e Impressão – Rui Monteiro| Molduras: Oficina do Esferovite | Ementas, Design e impressão: Rui Monteiro | Caixa das Alianças e lembranças homens: Cantinho da Tia | Pele, Unhas e Pestanas: Tifanny’s Studio | Maquilhagem: Pocket Nails | Cabelo da Noiva: Mena Cabeleireiro | Plaquinha do menino: Feliz é quem diz | Igreja: Nossa Sra. da Consolação, Arrentela


Gostou deste casamento? Temos mais aqui

Veja temas e estilos e ideias!

Não se esqueçam de nos seguir:

 facebook |  instagram  | pinterest

horizontal_preto.png


Leave a Reply