{Real Wedding} Tema viagens e “Trash the dress” num lugar abandonado!

Hoje temos no blog uma Wedding Story do Brasil! Ansiosos por ver as diferenças?

Olá Beatriz! Como começou esta aventura?

O pedido foi feito no dia 17 de Julho de 2016 – segundo o noivo, para completarmos exactamente 1 ano de noivado no dia do nosso casamento.
Já tínhamos combinado de casar, mas ele quis que o pedido fosse feito de forma especial e surpresa. Confesso que a emoção foi gigante!
Me convidou para ir a um restaurante e no final do jantar, se ajoelhou à minha frente e pediu. O anel? Este surgiu no mesmo instante do pedido junto a um “petit gâteau”, meu doce preferido!

Como ocorreu a organização?

Considero-me uma pessoa ansiosa ao extremo! Mas sempre tive em mente que o meu casamento deveria ser exactamente o que meu marido e eu quiséssemos que fosse. Por ter este pensamento, fui uma noiva muito serena e certa do que queria. Na altura, procurava focar-me em planear e organizar o que pudesse o quanto antes – nunca gostei de problemas de última hora! Agradeço imensamente à minha mãe que foi como uma cerimonialista (não sei se em Portugal se chama assim, mas é aquela pessoa contratada que te auxilia e ajuda em todos os preparativos da festa – por aqui é Wedding planner). Por não disponibilizar de uma cerimonialista, tivemos nós mesmos que decorar – extremamente cansativo, mas extremamente gratificante! Devo agradecer também ao meu marido que se mostrou um noivo presente. Quis participar de todas as escolhas e todas as reuniões com a casa de festas contratada.

14876430_1281046351927094_2420592400095383906_o

Como é um casamento típico no Brasil?

O casamento no Brasil segue em uma constante mudança – ele busca adaptar todas as tendências que vemos pelo mundo à fora. E exatamente por isso, nenhum casamento segue a mesma “linha” que outro a 100%, são todos únicos.
Tradicionalmente temos madrinhas e padrinhos. A quantidade é decidida pelos noivos e eles podem estar fixados em casais ou em separado. No caso do meu casamento, os escolhemos separadamente – eu escolhi as madrinhas e meu noivo, os padrinhos.
Alguns casamentos brasileiros já adotaram as damas de honor adultas, mas a tradicional “dama de honra” do Brasil é uma criança que tem a função de levar as alianças aos  noivos. Nossa dama foi minha irmã de 11 anos que entrou a levar as alianças ao som de “Beauty and the Beast”. A resumir, um casamento brasileiro tem muitas diferenças. A maior delas está na animação dos convidados – já é sabido que nós brasileiros somos bem animados hahaha!

 

O teu vestido! Conta-nos sobre ele!

Uma das minhas grandes preocupações era com o vestido! Não queria parecer-me como todas as outras noivas que, no Brasil, vestem em quase 90% dos casamentos um vestido confecionado com renda. Meu plano era surpreender os convidados. E assim fiz – meu vestido foi estilo princesa e de tecido liso,  o que recebeu muitos elogios pela simplicidade e beleza. O meu casamento foi considerado diferente dos demais, não apenas por mim ou por meu noivo, mas por todos principalmente por ter apresentado um tema (no Brasil não é comum) e por ter sido realizado na parte da manhã e em um domingo. Os dias mais procurados para casamentos no Brasil são sextas e sábados, e os horários, fim de tarde e noite. Também optei por um bouquet de pérolas e usar sapato baixo. Outro diferencial foi convidar meu avô materno para realizar o casamento!

Senti-me uma princesa!

14753698_1281049558593440_1578978242400121522_o
A pior experiência da vida é acordar na madrugada do seu casamento com uma grande chuva hahaha muitos pensamentos negativos começam a surgir. Não… não consegui dormir. Para dizer-te a verdade, já não havia sono que segurasse minha ansiedade.

14859750_1281052351926494_6734700818693326787_o

O casamento teve início às 9h da manhã e já estava acordada desde às 3h…e posso dizer que todo o dia foi de festa e alegria!

14884581_1281051978593198_8749275443486896123_o

Qual era o tema?

Nosso tema foi “Viagens” já que quando nos conhecemos, ele morava em Lisboa e eu, no Brasil. Construímos nós mesmos nossos convites e encomendamos lindos diários de viagens para dar de lembrança aos convidados. Teve decorações com malas e mapas e outros detalhes.

14889818_1281043931927336_283182855000321019_o

A tua família gostou?

Só ouvimos elogios! Disseram-nos que nunca presenciaram uma quantidade de comida como a que oferecemos e muitos elogiaram a oportunidade de estar presente em uma festa durante o dia.

14853049_1281050261926703_3183886044832760269_o

Depois disso tudo fizeste um “Trash the dress”… conta-nos tudo.

Nosso “Trash the Dress” foi feito 1 mês após o casamento. Optei por confeccionar o meu vestido justamente para esta sessão de fotos. Foi realizado em uma cidade do interior do Rio de Janeiro, em um sítio com casas antigas e abandonadas. Tivemos um belíssimo resultado.

Conselhos para futuras noivas?

Aconselho exactamente o que me fez passar por esta fase cansativa de forma tranquila: esteja a organizar o casamento dos seus sonhos e não dos sonhos de outros. Mantenham-se calmas e sempre organizadas – façam planilhas se necessário, pesquisem orçamentos e encomendem sempre de sites confiáveis! Ah, estejam em harmonia com seus noivos e lembrem que a fase é estressante e cansativo para ambos. Não descarregue frustrações e angústias um no outro. Se apoiem e levem em consideração os sonhos do noivo, o grande dia também é dele, afinal.

thumbnail_Trash 1

Créditos:
QUINTA : Bosque da Fazenda /  VESTIDO: Larteliê por Solange Rangel / CORDEIRO: https://www.facebook.com/lartelie.confeccao / FOTOGRAFIA: Silvia Jardim /
BOLO: La Ninha Designer / LEMBRANCINHAS: Arte Criativa / Makeup: Sis Medeiros

thumbnail_Trash 75

Gostou desta Wedding Story? Temos mais aqui.


Não se esqueçam de nos seguir

facebook | pinterest | instagram

horizontal_preto.png


 

One thought on “{Real Wedding} Tema viagens e “Trash the dress” num lugar abandonado!

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.